16 Novembro 2021
Oceano Fresco e o investimento

startup Oceano Fresco assegurou um financiamento de 6,1 milhões de euros para a expansão das suas atividades na Península Ibérica. Com a aposta de um fundo holandês e da Semapa Next, quer construir a primeira infraestrutura de armazenamento e embalamento

Depois de ter criado um centro biomarinho na Nazaré e o primeiro viveiro de amêijoas em mar aberto no Algarve, a startup portuguesa Oceano Fresco vai entrar nos mercados internacionais com uma ronda de financiamento que lhe permitirá a expansão do negócio em Espanha, além da consolidação do negócio no nosso país.

Leia o artigo completo aqui Expresso